http://picasion.com/
http://picasion.com/

Radio

quarta-feira, 24 de setembro de 2014

Porto Iracema das Artes anuncia tutores dos projetos selecionados para o Laboratório de Música 2014

Nomes consagrados e premiados na atual produção musical brasileira orientam os cinco projetos selecionados para a segunda edição do Laboratório.

Com seu modelo inovador de incentivo à criação e produção musical brasileira, e revelação dos talentos cearenses em particular,o Porto Iracema das Artes – Escola de Criação e Formação do Ceará – anuncia os tutores que acompanharão, durante cinco meses, os projetos selecionadospara a segunda edição do Laboratório de Música. Alê Siqueira, Davi Moraes, Regis Damasceno, Gui Amabis e JR Tostoi compõem a equipe de orientação, cada um deles indicado pelos próprios alunos. A partir de agora, cada tutor será responsável por dirigir um dos projetos, passando a ter encontros periódicos com os grupos.

Segundo Bete Jaguaribe, diretora de formação e criação do Porto Iracema das Artes, essa nova rodada de projetos consolida os Laboratórios de Criação e a própria Escola, que vem ampliando o seu raio de atuação nas mais diversas linguagens, a fim de aquecer o mercado cultural do Ceará. “A primeira edição apresentou resultados excelentes, possibilitando aos alunos o intercâmbio com experientes e renomados profissionais, o que por sua vez traz amadurecimento ao grupo e uma qualidade estética diferenciada aos produtos gerados. Até dezembro, os projetos da primeira edição do Laboratório de Música resultarão na gravação de cinco cd´s, sem qualquer custo para os alunos”, afirma a diretora.

Como funcionam os Laboratórios - Os Laboratórios de Criação são espaços de experimentação, pesquisa e desenvolvimento de projetos culturais que funcionam em regime de imersão, através de processos formativos de excelência, desenvolvidos em torno das propostas previamente selecionadas. Os alunos recebem orientação de consultores/tutores, que conduzem a qualificação dos projetos, através de orientações individuais, oficinas, palestras e master class.

Segundo a coordenadora do Laboratório de Música, a cantora, compositora, jornalista e produtora Mona Gadelha, ​"o objetivo é aprimorar projetos musicais de artistas cearenses, ​preparando-os para ​formatar e produzirum show com qualidades técnica e conceitual​, resultando em ​espetáculos aptos para conquistar as mais diversas plateias".

Na primeira edição do Laboratório de Música do Porto Iracema das Artes, participaram como proponentes as bandasHardy e o fim do Mundo e Banana Scrait, Marco Leonel Fukuda, o grupo JonnataDoll& Garotos Solventes e a cantora Lorena Nunes. Profissionais consagradose experientes como Arrigo Barnabé, Adriano Cintra, Guilherme Cruz, Alexandre Kassin e Beto Villares foram os orientadores dos projetos, durante oito meses, aproximadamente.   

Tutores 2014 - Todos os tutores receberam o convite do Porto Iracema com alegria e disponibilidade para estabelecer uma parceria exitosa com os projetos selecionados desta edição. Eles virão ao longo dos próximos meses a Fortaleza para as atividades com os artistas. No início de setembro, Gui Amabis e Regis Damasceno realizaram um concorrido encontro no Auditório do Porto, com presença de músicos e profissionais da cidade. 

Alê Siqueira – Tutor de Caio Castelo (Projeto Dois Olhos)

Para o projeto “Dois Olhos”, de Caio Castelo, o tutor é Alê Siqueira, dono de um currículo que inclui o celebrado álbum “Tribalistas”, de Marisa Monte, Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown. Siqueira morou nos últimos anos em Salvador,onde foi curador do festival de percussão Percpan. Com uma agenda sempre lotada de novos trabalhos, ele se notabilizou entre os produtores mais requisitados do país.

Estudou violão erudito com Henrique Pinto e guitarra com Mozart Mello. Bacharel em composição e regência pela UNESP e técnico em áudio pelo IAV(Instituto de Áudio e Video). Trabalhou com artistas como Elza Soares, Tom Zé, Margareth Menezes, Lenine, José Miguel Wisnik, Chico César, Caetano Veloso, Bebel Gilberto, Paulinho da Viola, João Donato, Funk Como Le Gusta, DjDero, Grupo Corpo, Timbalada, Daniela Mercury, Leila Pinheiro, Cheikh Lô,  OmaraPortuondo, Roberto Fonseca, Mayra Andrade, Chico Buarque, Yusa, Jorge Drexler, Ana Carolina, OSB ( Orquestra Sinfônica Brasileira), entre outros. 

Em 2003, ganhou o Grammy Latino como co-produtor do CD “Tribalistas”. E no ano seguinte outro Grammy Latino com o CD “Carlinhos Brown es Carlito Marrón”.  Em 2005, obteve o BillboardLatin Music Awards 16th edition,   como co-produtor do  CD “ Flor de Amor “, de OmaraPortuondo.E outro Grammy viria com  o CD  “ Gracias”, de OmaraPortuondo, em 2009 .

Dirigiu, em 2007, as Cerimônias de Abertura e Encerramento dos Jogos Panamericanos e Parapan-americanos, ganhando vários prêmios de eventos esportivos, tais como seis TellyAwards e o SportBusiness ISEMS. Radicado em Salvador nos últimos anos, volta pra São Paulo, onde continua seu concorrido trabalho de produtor musical.

Davi Moraes - Tutor de Felipe de Paula (Projeto Filho de Manicure)

A guitarra virtuosa e a longa trajetória que começou com seu pai, Moraes Moreira, ainda adolescente, fez de Davi Moraes um dos mais destacados músicos de sua geração, acompanhando cantoras como Marisa Monte, Vanessa da Mata e Maria Rita. Davi responde pela tutoria do projeto “Filho de Manicure”, de Felipe de Paula.

Nascido em 1974, o músico e instrumentista Davi Moraes estreou aos 12 anos, acompanhando seu pai, Moraes Moreira, na primeira edição do Rock in Rio, tocando “Brasileirinho”, de Waldir Azevedo, no cavaquinho. Depois trocou o cavaco pela guitarra e acompanhou artistas como Marisa Monte, Caetano Veloso, Carlinhos Brown, entre outros. Em 2002 iniciou carreira solo, com o disco "Papo Macaco". Fez turnês e participou do Brazilian Day de 2003, em Nova Iorque.

Em 2005, lançou o CD “Orixá Mutante”, pela Universal Music, e se dedicou ao projeto “Trêsloucados”, ao lado de Preta Gil e Lan Lan, além de integrar a banda de Moraes Moreira.Em 2006, dirige a trilha do filme “Ó Paí Ó”, ao lado de Caetano Veloso, dirigindo também o trio elétrico homônimo, que saiu no circuito Barra-Ondina do carnaval de 2007, em Salvador,BA. No ano seguinte, 2008, Davi acompanha Vanessa da Mata, em turnês nacionais e internacionais.

Convidado para participar de grandes projetos, trabalhou, em 2010, com Adriana Calcanhoto. E com a Conspiração, no canal Multishow, tornou-se âncora do programa “Som e Areia”, série de encontros com nomes da MPB, gravados em Jericoacoara, CE, que reuniu nomes como Domênico Lancellotti, Pedro Baby Arnaldo Antunes, Maria Rita, Frejat, Roberta Sá, Toni Garrido, Sandra de Sá, Pedro Luis, Morares Moreira, entre outros.

Em 2011, começaram os preparativos para o show de 40 anos do clássico LP dos Novos Baianos, “Acabou Chorare”, com Moraes Moreira. Este trabalho continua sendo apresentado com sucesso em todo o país.

Gui Amabis- Tutor de Soledad Brandão (Projeto As Nuvens serão um colar de Margaridas)

Autor de trilhas de cinema em parceria com Antonio Pinto e produtor de CDs da cantora Céu, Gui Amabis assumiu a tutoria do projeto de Soledad Brandão, “As Nuvens serão um colar de margaridas”. Ele,que é um dos nomes mais celebrados da nova cena musical de São Paulo, acaba de lançar mais um elogiado álbum, “Trabalhos Carnívoros”.
Iniciou sua carreira em 1998 como assistente nos estúdios RAC, em São Paulo. Em 2002, começa parceria com o compositor de trilhas sonoras Antonio Pinto, com quem trabalhou até 2007. Letrista e produtor de discos, a primeira letra gravada foi "Miopia", cantada por Céu no projeto "Sonantes".
Lançou o primeiro disco autoral, "Memórias Luso/Africanas" em 2011, com participações de Céu, Tulipa Ruiz, Criolo, Lucas Santtana e Tiganá. Em seguida, apresentou o segundo álbum, “Trabalhos Carnívoros”.

Mais introspectivo que o anterior, assume todos os vocais e se firma como cantor e compositor, recebendo criticas entusiasmadas do New York Times e da revista Rolling Stones.

Além dos trabalhos autorais, produziu discos relevantes no cenário nacional como: "Vagarosa" (2009) e "Caravana Sereia Bloom (2012) da cantora Céu, "São Matheus não é um lugar assim tão longe" (2008) de Rodrigo Campos, "Sonantes" (2008) do coletivo Sonantes, formado por ele, Rica Amabis, Pupillo, Dengue e Céu. 

Também trabalhou em trilhas sonoras para filmes e séries de TV como: Collateral (2003), Cidade dos Homens (2003), Lordof War (2004) (Senhor das Armas), PerfectStranger (2007), Filhos do Carnaval (2009), Quincas Berro D'água (2010), Bruna Surfistinha (2011) e Giovanni Improtta (2013).  Participou como músico no disco "Arrocha" de Curumin, "Bahia Fantástica" de Rodrigo Campos, músico e autor no disco "O Deus que devasta mas também cura" de Lucas Santanna. Produziu e compôs temas para “Life is a Secondof Love", terceiro álbum da cantora e compositora portuguesa Rita Redshoes. Canta com Rita na faixa "Curve Dance Dreams".

No cinema, fez música adicional e programação da trilha sonora do filme “Crônicas”, de Sebastian Cordero. Trilha original de Antonio Pinto, música adicional e programação da trilha sonora do filme “Crianças Invisíveis”, de Katia Lund (Cidade de Deus), junto com Antonio Pinto, Rica Amabis e Tejo Damasceno. Compôs e programou para a série de TV “Cidade dos Homens” (O2 Filmes), junto com Beto Villares, Rica Amabis e Dengue; trilha original para a série de TV “Antonia” (TV Globo); música adicional para a série de TV “Alice” (HBO), com o coletivo Instituto. Compôs a trilha da série de TV “Filhos do Carnaval” (O2 Filmes), com Beto Villares, direção de CaoHamburguer, e trilha para o documentário “BikiniRevolution” (ARTE/ZDF), com direção de Albert Knechtel e Kiko Ribeiro. Em 2014 compôs trilha original para a série de TV “PSI” (HBO), junto Rica Amabis e Tejo Damasceno. 

Regis Damasceno - Tutor do Astronauta Marinho (Projeto VisusQuaSonus)
Admirado por cantores e instrumentistas pelo seu estilo e habitual competência, tanto no acompanhamento de cantores, quanto na produção musical, o guitarrista e baixista Regis Damasceno, integrante do grupo Cidadão Instigado, é o primeiro cearense a assumir uma tutoria no LAB Música do Porto. Regis está orientando o projeto “VisusquaSonus”, da banda Astronauta Marinho.

Músico (guitarra, baixo e violão), produtor e compositor, de Fortaleza, CE, onde morou até 2002 para . Neste ano foi morar em São Paulo e desde então tem se dedicado a carreira musical. Integra a banda cearense Cidadão Instigado, com quem se apresentou pelo Brasil e também no exterior.

Seu projeto pessoal se chama Mr.Spaceman e conta com 3 álbuns lançados. Entre os trabalhos mais constantes, alguns de música intrumental (Guizado, Porto, Fernando Catatau e o Instrumental), outros de música popular, como músico de apoio (Marcelo Jeneci, Gui Amabis, Pélico, Karina Buhr, entre outros).

Em estúdio, Damasceno já registrou sua musicalidade em álbuns de Arnaldo Antunes, Veronica Ferriani, Otto, para citar alguns. Ao vivo, já teve o prazer de dividir o palco de alguns dos maiores artistas nacionais, tais como Gal Costa, Tom Zé, Beto Guedes, Vanessa da Mata, Los Hermanos. Especialista no grupo britânico The Beatles, já fez parte da banda cearense Rubber Soul e hoje mantém o The Mockers.

JR Tostoi – Tutor de Marta Aurélia – Projeto Vagabunda Flor

Guitarrista e produtor detentor de Grammy Latino por sua profícua colaboração com o cantor Lenine, JR Tostoi é o tutor do projeto “Vagabunda Flor”, da cantora, compositora e atriz Marta Aurélia. Tostoipode ser considerado um dos maiores talentos da nova produção musical brasileira.

Produtor, guitarrista e compositor carioca. Coleciona prêmios - entre suas conquistas está o Prêmio de Música Brasileira, em 2009, na categoria “melhor álbum pop rock do ano” com o trabalho “Labiata”, de Lenine. A parceria com o cantor e compositor pernambucano começou há dezesseis anos com a criação de arranjos, timbres inusitados na guitarra, baixo, programação e dubs. Outros trabalhos com Lenine também ganharam destaque: produção para a faixa “Relampiando”, do disco “Falange Canibal”, que ganhou o Grammy Latino de “melhor álbum pop contemporâneo”. E cinco anos depois, em 2007, também assinou a produção da trilha sonora do espetáculo “Breu”, do Grupo Corpo. Produziu a música tema da novela da Rede Globo “Passione”, composta e interpretada por Lenine, e também o disco “Chão”, indicado ao Grammy Latino na categoria de engenharia sonora.

Com o trio “Vulgue Tostoi”, formado por Marcello H e Victor Z., lançou o álbum “Impaciência”, em 2000. O segundo álbum, em duo, com Marcelo H, “Sistema delirante amplo e defasado da realidade”, foi lançado em 2013.

Projetos Selecionados 2014

As inscrições para o Laboratório de Criação ficaram abertas até o dia 06 de julho. Os candidatos, que deveriam ser pessoas físicas, cearenses natos ou com residência comprovada no estado do Ceará há 03 (três) anos, com idade mínima de 18 (dezoito) anos e ensino médio concluído, se inscreveram no site da Escola Porto Iracema das Artes, enviando ainda apresentação, carta de intenção, portfólio, entre outros. Para a primeira etapa, foram inscritos 45 projetos, dos quais 22 foram pré-selecionados para participar das audições, realizadas nos dias 30 e 31 de julho deste ano.

O músico Alexandre Fontanetti (SP), a jornalista Fabiane Pereira (RJ) e o produtor cultural Sérgio Pinto (SP) compuseram a comissão de avaliação que chegou aos finalistas, anunciados no dia 1º de agosto: Caio Castelo, Astronauta Marinho, Soledad Brandão, Marta Aurélia e Felipe de Paula.  Conheça mais sobre cada um dos projetos selecionados.

Doisolhos Proponente: Caio Castelo (Caio Castelo Branco Monteiro Benevides)
Integrantes: Igor Ribeiro da Costa Abreu e Fernando Mário Paula de Aguiar Lélis

“Dois Olhos” é o segundo trabalho solo do cantor, compositor e instrumentista Caio Castelo. Após lançar seu disco de estreia, "Silêncio em Movimento", em 2013, realizar shows em diversos lugares do Brasil e uma turnê em Cabo Verde, o artista se encontra num momento da carreira em que as novas canções e uma dinâmica de trabalho criada no grupo que o acompanha desde então sugerem o surgimento de um novo show.
Visusquasonus
Proponente : Felipe Lima Couto
Integrantes: Caio Jorge Cartaxo de Almeida Santos e Guilherme Mendonça Alves
O projeto propõe que o Astronauta Marinho produza e execute um espetáculo sinestésico, unindo som e imagem.
As nuvens serão um colar de margaridas
Proponente:  Soledad Brandão (Soledad Maria Barbosa Brandão)
Integrantes: Julio Cesar Santana da Costa e Vitor Cavalcanti Colares
O projeto surge a partir do show homônimo e trabalha canções de compositores cearenses próximos à cantora Soledad como Danilo Guilherme e Saulo Duarte através das trocas entre os integrantes da banda, explorando sonoridades flutuantes e timbres experimentais aliados à pegada rock'n'roll da cantora. Para o projeto, propõe-se o arredondamento dos arranjos e o amadurecimento estético do show, além da gravação de um disco e de videoclip em parceria com os alunos do laboratório audiovisual.
Filhode Manicure
Proponente: Felipe de Paula (Felipe de Paula Silva)
Integrantes: Cainã Veras Cavalcante Pinheiro e Aspásia Mariana Santos Melo
O projeto “Filho de Manicure” trata-se do processo de concepção e criação do show referente ao seu primeiro registro fonográfico, com todas as composições de sua autoria. Felipe de Paula pretende conceber o show a partir da investigação entre as linguagens da música, performance, audiovisual e artes visuais, e também a inserção de 5 músicas autorais inéditas. O show terá a direção do músico Cainã Cavalcante e a direção artística de Aspásia Mariana.

Vagabunda Flor
Proponente: Marta Aurélia Bezerra
Integrantes: Erivan Barbosa Sales e Tauí Castro
“Vagabunda Flor” é um projeto de espetáculo cênico-musical da cantora, compositora e atriz Marta Aurélia, como proposta de pesquisa para ser desenvolvida junto ao Laboratório de Música da Escola Porto Iracema das Artes. O projeto surge com uma canção homônima da lavra de Marta, na viagem conceitual da artista entre as fronteiras da música, do teatro e do cinema. O repertório é construído como roteiro dramatúrgico, com múltiplos ritmos e culturas, desde o canto indígena brasileiro até o hip hop.
ATENDIMENTO À IMPRENSA:
Assessoria de Comunicação e Marketing Instituto Dragão do Mar
Luciana Vasconcelos e Luar Brandão
Telefones: (85) 3488.8617 / 3488.8625/ 8970.8081 / 8733.8829

Nenhum comentário:

Postar um comentário