http://picasion.com/
http://picasion.com/

Radio

quinta-feira, 7 de maio de 2020

CONTINUA Operários trabalham na reconstrução de trecho da CE-375 que se rompeu em decorrência das chuvas

Obra de reconstrução do trecho danificado. Fotos: Natanael Veríssimo.
Quem usa a rodovia estadual precisa fazer um desvio ao lado do ponto danificado.

Doze dias após o rompimento da rodovia CE-375, entre as cidades de Quixelô e Solonópole, na região Centro-Sul do Ceará, operários e máquinas realizam trabalho de recuperação dos estragos causados pelas fortes chuvas que banharam a região na madrugada do dia 25 de abril.

O bueiro de manilhas existente no local não suportou a quantidade de água e rompeu. Agora está sendo feito uma passagem com vazão maior.

A Superintendência de Obras Públicas (SOP) não informou data de conclusão dos serviços. Disse, contudo, que o tráfego, interditado por cinco dias, já foi liberado.
O trecho em obra está sinalizado, mas exige a atenção de motoristas, principalmente à noite. O local do rompimento da rodovia fica no município de Acopiara, entre Quixelô e a localidade de São José de Solonópole.
Transtornos - O produtor rural Manoel Firmino usa a rodovia diariamente para o transporte de leite de vaca da zona rural até um posto de resfriamento de uma empresa de laticínio. Ele relata os problemas enfrentados com o rompimento da rodovia. “A gente ficou pelo menos três dias sem poder atravessar porque havia muita água”, disse. “O estrago foi muito grande, abriu-se um buraco enorme”.
Por Honório Barbosa, webmaster@diariodonordeste.com.br Blog DiarioCentroSul do DiárioDoNordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário