Radio

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Professor é suspeito de violentar menino de 11 anos, no Ceará

Mãe afirma que filho foi violentar na madrugada de sábado (30).
Professor nega ato sexual e diz ter sido assediado pelo menino.

Diana Vasconcelos Do G1 CE.

Um professor do município de Quixadá, a 158 km de Fortaleza, é suspeito de abusar sexualmente de um menino de 11 anos na cidade vizinha, Solonópole. Segundo a Polícia Civil, o boletim de ocorrência foi registrado pela mãe do garoto no domingo (1º) pela manhã, ela afirmou que o filho foi violentado na madrugada de sábado (30), mas teve receios de contar.

De acordo com o relato da mãe à policia, o filho contou sobre o abuso apenas dois dias após a ocorrência. Segundo o depoimento da criança, que foi acompanhado pelo conselho tutelar e por um psicólogo, ele encontrou o professor em um evento na cidade de Solonópole por acaso. Os dois não se conheciam, mas o garoto afirma que o professor o chamou até um beco e o estuprou.

O professor, de 25 anos, compareceu à delegacia e prestou depoimento. Ele nega ter praticado o ato sexual com o menino. De acordo com a Polícia Civil, o professor alega que o garoto o assediou, afirma que houve o encontro e carícias, mas nega o ato sexual.

O suspeito vai responder ao processo em liberdade, pois não houve flagrante. O garoto e a família foram para cidade de Quixeramobim, onde o menino será submetido ao exame de corpo de delito. O caso está sendo investigado pela delegacia da cidade de Senador Pompeu e acompanhado pelo conselho tutelar.

Leia mais no G1 CE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário