http://picasion.com/
http://picasion.com/

Radio

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Em Senador Pompeu: Mulher foi morta a facadas pelo companheiro

Brena Késia, morta a facadas pelo companheiro (Foto: VC Repórter).
Um crime de feminicídio chocou a população deste Município do Sertão Central. O fato aconteceu no início da noite da última quinta-feira (24). De acordo com as informações da Polícia, Brena Késya Alves de Almeida, 24 anos, foi morta a facadas na frente da própria mãe. O acusado seria o companheiro da vítima.
O crime aconteceu em uma estrada da zona rural do município que leva ao Inchui, no distrito de Codia, onde a vítima morava. Populares informaram à Polícia que Brena havia saído de casa em uma moto com a mãe Maria Aparecida Alves de Almeida, no início da noite. O companheiro de Brena, identificado como Antônio Vildamar, seguia as duas em outra moto, logo atrás.
Ao perceber que estava sendo seguida, Brena teria passado a discutir com o homem. Ele teria derrubado a moça e a mãe da moto, passado a entrar em luta corporal com a companheira e, logo em seguida, golpeado a vítima com duas facadas, uma no pescoço e outra no abdomen. Brena morreu na hora. Com a queda, a mãe da vítima teria quebrado o braço e não teria conseguido conter Vildamar, que fugiu em seguida.
A perícia e o rabecão foram acionados para adoção dos procedimentos cabíveis. As composições de Senador Pompeu e Piquet Carneiro fizeram diligência no sentido de localizar e prender os acusados, mas não obtiveram êxito até o presente momento.
Este é o segundo caso de feminicídio em Senador Pompeu em um ano. No dia 2 de junho, a secretária Geane Magalhães Pimenta, que trabalhava em um escritório de advogacia, foi morta a facadas no local de trabalho. A Polícia elucidou o caso recentemente e descobriu que os autores do crime foram pai e filho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário