http://picasion.com/
http://picasion.com/

Radio

quinta-feira, 23 de maio de 2013

Combate à seca Bancada cansada de promessas

Parlamentares cobram agilidade em reunião com a ministra Ideli Salvatti, que estará amanhã em Fortaleza.
Brasília (sucursal) Os cearenses não aguentam mais o anúncio constante de programas do governo para o combate à seca sem a efetivação dos mesmos. Esta posição de insatisfação perante a atuação do Governo Federal foi manifesta pela bancada do Ceará na Câmara dos Deputados, durante reunião com a ministra Ideli Salvatti (Relações Institucionais), e será apresentada no encontro com prefeitos amanhã em Fortaleza.

O encontro de amanhã, no Centro de Eventos, terá início às 8h e contará com a participação de Ideli Salvatti e outros ministros Foto: Agência Brasil.

O encontro com a ministra serviu para alinhavar a posição do Governo com a da bancada para o Encontro Estadual com Novos Prefeitos e Prefeitas, amanhã em Fortaleza. "Precisamos de posições efetivas, de resultados, do cumprimento das metas dos programas já anunciados. Não precisamos do anúncio de mais programas. Ninguém aguenta mais", afirmou o vice-líder do governo na Câmara, deputado Danilo Forte.

Segundo Danilo, a bancada foi unânime na reivindicação da contrapartida para as prefeituras que investirem em obras de abastecimento de água, como adutoras, barragens, poços artesianos entre outros. Os parlamentares cobraram maior agilidade nas obras de atendimento aos municípios para enfrentamento da seca, advertindo que o segundo semestre será mais crítico que o final do primeiro.

O encontro de amanhã, no Centro de Eventos, terá início às 8h e contará com a participação de Ideli Salvatti e dos ministros Pepe Vargas, Fernando Coelho, Leônidas Coelho, além de representantes dos ministérios da Saúde, do Desenvolvimento e Combate à Fome, das Cidades, da Agricultura, da pesca e Aquicultura, do Turismo, do Planejamento, Orçamento e Gestão, da Educação, da Funasa, Caixa Econômica e Banco do Nordeste.

Falta critério - Os deputados cearenses ressaltaram que o governo do Estado já entregou os projetos de engenharia das obras de abastecimento de água. Entretanto, os processos estão parados. Outro grave problema apontado para a ministra foi a falta de critério na escolha dos carros-pipas. "A água chega contaminada. Precisamos garantir recursos para a inspeção dos veículos e obrigar que eles sejam lavados", afirmou o deputado José Linhares (PT-CE).

São aguardadas, no evento, assinaturas de ordens de serviços para os municípios de Irauçuba, Jaguaribe, Solonópole, Banabuiú e Pedra Branca. O Ministério do Desenvolvimento Agrário fará a entrega de 80 máquinas perfuratrizes a 74 municípios.

ROSE ANE SILVEIRA REPÓRTER Leia mais no Diário do Nordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário