Radio

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Luiz Isidoro assume Secretaria de Obras de Milhã

http://i.imgur.com/P4u58aM.jpgO Secretario de Obras do Município de Milhã Luiz Isidoro da Cunha conhecido como “Luiz do SAAE” (foto) disse que, “quando assumiu o cargo de secretário, não houve sequer uma transição, eu apenas recebi a chave da mão do ex-secretario no dia primeiro de janeiro, e não tive nenhum conhecimento do que se tina anteriormente naquela secretaria, inclusive até os patrimônios não tinha conhecimento de nada. Junto com o pessoal que trabalhava lá por mais tempos..., que me auxiliaram porque nem na prefeitura e nem na secretaria se dispõe um documento que apresentasse o patrimônio daquela secretaria e assim diante do que eu recebi, eu fiz pessoalmente junto com essas pessoas que tinha conhecimento o que era pertencente aquela secretaria, foi digitado, eu assinei e pedi a umas pessoas como testemunhas que assinasse junto comigo para que provasse que eu estava recebendo naquela data”.

Segundo Luiz Isidoro o estado da secretaria de Obras estava “Estava muito desorganizado e a obras com agravantes a mais, muitos documentos jogados pelo chão, inclusive sem nenhuma condição de recuperação, destroço de tudo quanto era tipos: armários, cadeiras, berços de crianças,...”. Enfatizou ainda “que por mais que o ambiente da secretario seja de amplo espaço, demais bens rejeitados de outras secretarias então usam aquele espaço da secretaria de obras. Além de cupins pelas paredes, banheiro impossibilitado de ser usado de momento, muita sujeira, um motorzinho que serve no lavajato para que seja lavados os transportes onde as próprias ambulâncias do hospital deslocavam com pacientes também eram lavados lá, e foi roubado este motorzinho inclusive o ex-secretario apresentou um BO. Madeira deteriorada” disse Luiz Isidoro.

Ele foi mais além dizendo “documentos molhados, arquivo morto que jamais vai ter condições de ressuscitar qualquer um documento que seje preciso para uma futura aposentadoria de qualquer funcionário desse município”. De acordo com as declarações do Secretario de Obras, “Em uso só um computador funcionando com a impressora desmantelada; maquina de solda sem cabos e sem alicates que prende a ferramenta na hora da solda”, com relação aos transportes “a caçamba sem o puxador da porta para que agente possa entrar, pára-choque danificados, os birros e o motor dela não esta em funcionamento inclusive foi dito pelo mecânico da secretaria que não usasse a caçamba porque se não haveria sido abatido o motor e o prejuízo seria bem mais alto ao invés de só consertar do jeito que está. O tratorzinho da secretaria que faz os transportes das carnes do matadouro até cada um dos seus, também se encontrava parado por falta de baterias, foi preciso que o mecânico da própria secretaria levasse seu motorzinho de carregar baterias para que agente conseguisse fazer esse deslocamento. A retroescavadeira estava com um defeito grande na concha que as buchas dela estavam quebradas quase incapazes de ser usada naquela parte da maquina”.

A retroescavadeira é muito importante, pois estamos enfrentando a falta de água no município de Milhã. Principalmente na zona rural onde os agricultores e pecuaristas estão com bastantes dificuldades para dar água ao seu rebanho, e a retroescavadeira está sendo usada para que der o suporte ao homem do campo, deslocando-a e atendendo o possível, pois estamos vendo a dificuldade de cada um e queremos atender o máximo possível, declarou Luiz Isidoro.

Segundo o secretario a limpeza das ruas foi o ponto de partida, pois na cidade estava um mutuário de lixo aonde foi feito um mutirão prevenindo contra doenças realizando a coleta do lixo. E pediu ainda a população que coloque a coleta no dia que o carro passar e, orienta aos mesmos que depois que o caminhão passar não jogue lixo pois ele não retornará neste mesmo dia. Ainda informou eu os distritos de Monte Grave e Carnaubinha tenha sua própria equipe de limpeza, Monte Alegre até a Barra. Sobre o saneamento da cidade de Milhã é uma grande preocupação que estava parada há muito tempo as bombas na lagoa que é indispensável que fique parada, pois deve funcionar tidos os dias que a função dela é, evacuar a água que se encontra nos canos, então no momento que elas estão paradas, essa água que fica no cano fica voltando em busca da asa de cada cidadão, vai enchendo cada caixa e desaguando pelas bocas desses bueiros. / Podas das arvores é essencial e neste momento estamos fazendo no parque de vaquejada, evitando um possível incêndio criminoso a população, já prevenindo, caso venha agravar a seca no município e as arvores vindo a secar, e será realizado em toda cidade. Luiz Isidoro aguarda esperançosos as chuvas que possam banhar o município de Milhã bem como o sertão central e o nordeste como um todo, além do lixo e do podamento, ele quer fazer pinturas e realizar algumas obras como é o caso de construção de uma nova praça na cidade além de creche; do PSF que está acabado, Quadra da escola de Carnaubinha.

Nenhum comentário:

Postar um comentário